27/06/2024 às 01h24min - Atualizada em 27/06/2024 às 01h24min

Alimentos, moradia e saúde mais caros impulsionam alta da prévia da inflação

Dados divulgados na quarta-feira (26) pelo IBGE.

Da Redação
Conexão Política

Foto: Reprodução

BRASIL - Dados divulgados na quarta-feira (26) pelo IBGE revelam que alimentos e bebidas foram os principais responsáveis pela elevação de 0,39% no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), que é a prévia da inflação. A alta é referente ao mês de junho. O grupo teve um aumento de 0,98%, impactando o índice em 0,21%.

Outros grupos que também contribuíram para a alta foram habitação, com um aumento de 0,63% e impacto de 0,10% no IPCA-15, e saúde e cuidados pessoais, que subiu 0,57%, com impacto de 0,08%.

O IBGE pesquisou nove grupos de produtos e serviços, e apenas dois não registraram alta: Transportes, com uma queda de 0,23%, e Artigos de residência, que teve uma leve redução de 0,01%. Os demais sete grupos apresentaram elevação.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://efatonoticia.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Seja nosso anunciante? fale conosco pelo Whatsapp