19/05/2023 às 09h35min - Atualizada em 19/05/2023 às 09h35min

‘Banana’ foi tema do I Workshop das Cadeias Produtivas no Amazonas | Portal Obidense

I Workshop Cadeias Produtivas visa o desenvolvimento sustentável de 11 cadeias produtivas prioritárias no Amazonas

Por Jacqueline Suriadakis


MANAUS – O Evento encerra nesta sexta-feira (19) com visita técnica na Embrapa. A ação foi da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), em parceria com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Amazonas (Abrasel/AM).

O evento iniciou na quarta-feira (17/05), no Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques, situado na Avenida Constantino Nery, 5001, bairro Flores, Manaus, e na quinta-feira (18/05), em Rio Preto da Eva (a 57 quilômetros de Manaus), voltado à cadeia produtiva da banana e tem o intuito de reunir os produtores rurais que vivem da atividade e que buscam soluções inovadoras, além de integrá-los aos demais elos da cadeia, como as agroindústrias, comerciantes e investidores dos setores.

Para Everton Rabelo Cordeiro, chefe-geral da Embrapa, o evento é de grande relevância por que possibilita uma ampla discussão com todos os envolvidos nas 11 cadeias produtivas, desde o produtor rural, passando por quem comercializa até a indústria. "A Embrapa passa por um momento muito importante, pois estamos  sendo muito demandados pelo setor produtivo e esse evento vai possibilitar o diálogo e poderemos mostrar que temos tecnologias disponíveis para ser entregues à sociedade" .

Segundo ele, a Embrapa está sempre aberta a fornecer informações técnicas e no momento dispõe dos projetos tipo 3, de inovação aberta, de parceria de negócios com empresas e associações. Ao longo do evento, segundo ele, também será possível prospectar novas parcerias que até então não havia contato.

O secretário da Sepror, Petrúcio de Magalhães Júnior, disse que o Workshop era um presente aos 50 anos da Embrapa para conectar todos os elos da cadeia produtiva das 11 culturas agrícolas. Essa parceria entre Governo do Estado, Embrapa e Abrasel vai passar o vasto conhecimento que a pesquisa desenvolveu ao longo dos anos. ``Nos seus 50 anos de existência, a Embrapa transformou o Brasil de importador para exportador de alimentos.  Hoje o Brasil é referência global na questão da garantia da segurança alimentar e nutricional``, disse 
 
Workshops

As cadeias produtivas abordadas serão do açaí, abacaxi, banana, cupuaçu, castanha, citros, guaraná, mandioca, olerícolas, piscicultura e pecuária. O Workshop vai proporcionar um intercâmbio de conhecimento técnico e gerencial aos participantes, serão capitaneadas as demandas pertinentes as suas necessidades rurais e encaminhar as informações debatidas, em um plano de ação estratégico para todo o setor produtivo.

Os workshops terão dois dias de programação. No primeiro dia, será discussão técnica sobre demandas das cadeias, e no segundo dia, visitas direcionadas para ações no campo, utilizando as técnicas desenvolvidas pelos pesquisadores, e colocando em prática junto aos produtores

Gastronomia

Durante o evento, a Abrasel-AM disponibilizará chefs gastronômicos de restaurantes parceiros, que realizarão receitas utilizando como ingrediente principal a cadeia produtiva relativa à data da programação. E que ao final serão degustados pelos participantes.

Para o presidente, Rodrigo Zamperlini, a participação no evento é importante para reforçar a culinária amazonense. "Para nós é muito gratificante participar desse projeto. É uma excelente oportunidade de colocarmos em prática as infinitas possibilidades que nossa culinária traz, a partir de insumos locais. Nossa gastronomia é farta e precisamos cada vez mais explorá-la", disse Rodrigo.

Os eventos estão sendo planejados por pesquisadores da Embrapa, e técnicos do Sistema Sepror - Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam); Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (Adaf); e Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), para apresentar aos empreendedores rurais as tecnologias disponíveis e prospectar junto aos diferentes segmentos, as demandas prioritárias de cada cadeia produtiva.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://efatonoticia.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Seja nosso anunciante? fale conosco pelo Whatsapp