14/05/2023 às 17h39min - Atualizada em 14/05/2023 às 17h39min

Forças Armadas fazem megaoperação contra garimpo ilegal na Amazônia | Portal É Fato Notícia

O Exército prendeu um grupo que transportava dinheiro em espécie, drogas, munições e ouro

Da Redação
revistaoeste.com
Imagem da internet

AMAZÔNIA - As Forças Armadas realizaram uma megaoperação para desativar duas dragas utilizadas no garimpo ilegal, na cidade do Ipiranga, no Amazonas. A ação é fruto da Operação Ágata – Comando Conjunto Uiara, que ocorre na tríplice fronteira da Amazônia (Brasil, Colômbia e Peru).
 

O comando apreendeu, no domingo 7, uma embarcação que transportava dinheiro em espécie, drogas, munições e ouro. A operação ocorreu enquanto os militares realizavam ações de patrulhamento e inspeção naval, além de patrulha aérea, terrestre e naval. De acordo com informações das Forças Armadas, o dono da embarcação foi autuado pelo Exército Brasileiro.
 

Os garimpeiros ilegais usam a estrutura para perfurar o leito dos rios, na tentativa de encontrar ouro e outros minérios. A ação inclui o derramamento de produtos químicos que poluem as águas, matam os peixes e adoecem populações indígenas e ribeirinhas.

Ação social contra o garimpo
 

Junto às operações de defesa e segurança, o apoio médico e odontológico é prestado pelo Navio de Assistência Hospitalar Oswaldo Cruz, da Marinha do Brasil, que navega pelo Rio Javari.
 

O atendimento beneficia as comunidades indígenas Cruzeirinho, Palmeira do Javari, Nutewa, Kulina, Flores e São Luiz, das etnias Mayuruna e Kanamari, na região de Tabatinga (AM); e as comunidades de Lago Grande, Tambaqui e Irari, em Atalaia do Norte (AM).
 

Os militares promovem atendimentos médicos, odontológicos e laboratoriais. Também trabalham na distribuição de medicamentos e na vacinação. 

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://efatonoticia.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Seja nosso anunciante? fale conosco pelo Whatsapp