07/12/2023 às 17h19min - Atualizada em 07/12/2023 às 17h19min

PL que proíbe linguagem neutra em órgãos públicos é aprovado

Texto pede o uso exclusivo de linguagem simples para com a população

Da Redação
Pleno News
Linguagem neutra Foto: Pixabay // Arte: Pleno.News

BRASIL - A Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que determina aos órgãos e entidades da administração pública que utilizem a linguagem simples em suas comunicações com a população.

O PL 6256/2019, de autoria da deputada Erika Kokay (PT-DF), sofreu alterações e inseriram a proibição da língua neutra no texto. Assim, termos como “todes”, “elu”, “elx”, entre outros, não poderão ser utilizados nas repartições públicas. A alteração foi proposta pelo deputado Junio Amaral (PL-MG).

– Não é porque é simples que ela vai ser deturpada e nem ser um campo fértil para que a esquerda utilize mais uma vez essas pautas ideológicas para destruir nosso patrimônio e a língua portuguesa – disse o parlamentar.

O relator do texto, deputado Pedro Campos (PSB-PE), incluiu a classificação de que a linguagem simples é o conjunto de técnicas para transmitir informações de maneira clara e objetiva, permitindo ao leitor encontrar facilmente o que procura, compreender o que encontrou e usar a informação.

– O objetivo do projeto é garantir que a comunicação do poder público, de maneira geral, seja de fácil entendimento pela população e tenha uma preocupação especial com as pessoas com deficiência intelectual – disse o relator.

O texto agora segue para apreciação do Senado.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://efatonoticia.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Seja nosso anunciante? fale conosco pelo Whatsapp